Você está na categoria » Noticias

Aplicativo ajuda crianças a entenderem o câncer

Jogo de celular auxilia crianças com câncer e familiares de pacientes a desmistificarem a doença e seus tratamentos

Imagine que você é uma criança de sete anos e tem uma doença grave que você não conhece, mas que todos os adultos ao seu redor entram em pânico só de ouvirem o nome. É isso que acontece com cerca de 12 mil crianças e adolescentes que são diagnosticados com câncer todos os anos no Brasil. Apesar de 70% deles serem curados ao receberem diagnóstico precoce e tratamento adequado, passar por um câncer em uma idade tão tenra pode ser uma experiência bastante traumática.30172202716664Pensando nisso, o estúdio de games Mukutu em parceria com o Instituto Beaba criou um jogo de celular chamado AlphaBeatCancer para explicar a crianças, cuidadores e familiares de pacientes como o câncer atua no organismo e quais são as formas de tratá-lo.

No aplicativo, a criança é um ursinho que entra no hospital e envereda pelas várias etapas da doença através de jogos e tarefas educativas: diagnóstico, exames, quimioterapia, radioterapia, consulta com psicólogos, médicos e nutricionistas. Ao todo, são 20 atividades possíveis dentro do app.

Seguindo a lógica de um tratamento oncológico real, a criança é guiada por diversos profissionais de saúde. A diferença é que no aplicativo, assim como os pequenos, eles também são bichos: o médico ganhou orelhas de coelho, o enfermeiro é um avatar de gatinho, o fisioterapeuta é ágil como um macaco e o nutricionista tem chifrinhos de vaca.

Na fase a seguir, o médico convida o pequeno a clicar nas células vermelhas e acabar com a metástase que está acontecendo no corpo.

Por ser voltado para crianças de 6 a 8 anos, o game é bastante intuitivo e a linguagem utilizada nas explicações da doença é muito didática. Outra preocupação visível que os desenvolvedores tiveram foi de criar um ambiente em que os jogadores se sintam seguros – mesmos nas definições de termos médicos complexos, o tom é sempre otimista e de amparo aos “ursinhos”.

O AlphaBeatCancer foi selecionado este ano pelo movimento Games for Change, em Nova York. O aplicativo é gratuito e está disponível para iOS e Android.

Fonte: Superinteressante